CapaCapa Textos E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros ŕ VendaLivros ŕ Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks

Ferrugem da Alma
Junho 16th, 2012 by aluisio

Assombramento, vulto
Do que não mais se enxerga
De tão curto, imediato, beco emparedado
A tranca no lado de fora
Cobertor, covarde ausente
Corpo que implora e treme
Entregue ao frio, à solidão da mente
Muitos menos a mais
Medo, ferrugem da alma
Olhar turvo, desencanto
De um nada se apodera
O medo de tudo
Aluísio Azevedo Júnior
Enviado por Aluísio Azevedo Júnior em 30/12/2012


Comentários